O que é a  Esterilização

É um procedimento cirúrgico que  consiste na remoção total dos órgãos reprodutores, é realizado por Médicos Veterinários, sob anestesia geral e com um período de convalescença rápido.

O animal tem alta no próprio dia.

 

Quais os riscos?

Tal como todos os procedimentos cirúrgicos existe sempre um risco associado à anestesia e a outras complicações cirúrgicas.

Hoje em dia é um processo muito simples e rápido logo, tem um grau de risco muito baixo.

Como é óbvio depende também do estado geral da saúde do animal.

É aconselhado que os animais estejam correctamente desparasitados e vacinados e a realização de uma consulta pré-cirúrgica e análises gerais.

 

Cuidados Após a Cirurgia

É sempre necessário dar alguma medicação.

Disponibilizar um ambiente sereno e calmo, preferencialmente dentro de casa.

Evitar que o animal corra e salte nos dias seguintes à operação.

Se o animal lamber ou tirar o penso deve ser colocado um colar isabelino.

O banho deve ser evitado nos 10 dias seguintes.

Vigiar a correcta cicatrização da incisão, qualquer alteração, edema ou rubor deve ser comunicada ao médico veterinário imediatamente.

Assim como alterações do comportamento, como: dormir demasiado, rejeitar alimento,  vómitos, diarreias, etc..

 

Benefícios da Esterilização

Impede o nascimento de mais ninhadas indesejadas.

Diminui drasticamente os comportamentos relacionados com a actividade sexual

( fugas, brigas, marcação do território, “choros” , stress (cio), etc..)

Reduz o risco de transmissão de doenças venéreas.

Reduz drasticamente a ocorrência dos tumores mais comuns.

Evita a Piometra (distúrbio uterino, muito comum em cadelas e gatas devido à hormona reprodutiva (progesterona), presente também nas pilúlas abortivas e anti-concepcionais.

Aumenta a qualidade e a esperança de vida do animal.

 

 

PARA MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE O SEU MÉDICO VETERINÁRIO